Stranger Things: entenda o sucesso da produção

Em 15 de julho de 2016 estreava um dos maiores fenômenos da cultura pop/geek das últimas décadas! 

A série original Netflix, Stranger Things, idealizada e produzida por Ross e Matt Duffer (os Duffer Brothers), teve uma estreia tímida, mas se espalhou como fogo em palha e rapidamente explodiu em popularidade. 

A produção é praticamente a mistura dos maiores elementos de sucesso das produções dos anos 1980 e 1990. Os Duffer Brothers revelaram que se inspiraram em clássicos como Conte Comigo, It: A Coisa, E.T. – O Extraterrestre, Contatos Imediatos do Terceiro Grau, entre outras grandes produções. Assim, eles conseguiram criar uma produção cinematográfica, porém no formato televisivo. Um grande filme de oito horas cheio núcleos, camadas e mistérios. 

Depois de três grandiosas temporadas e sucesso no mundo todo, é difícil acreditar que o projeto tenha sido rejeitado, não é mesmo? Matt e Ross receberam negativa de quase 20 emissoras antes de ter sido aceito pela vermelinha dos streamings. 

A trama da série possui três principais núcleos, das crianças, dos adolescentes e dos adultos. Cada um com seu tom, mas todos eles trazem personagens reais em que facilmente nos identificamos. Mas o destaque realmente é para o elenco infantil, foram avaliados mais de 900 meninos para os papéis de Mike, Dustin, Lucas e Will, e mais de 300 meninas testaram para interpretar a Eleven. 

Outro aspecto que os irmãos Duffer se inspiraram e homenagearam as produções do Steven Spielberg foi com os efeitos práticos, muito presentes em seus filmes. Para criar a criatura ameaçadora da primeira temporada, o Demogorgon, foi utilizada uma mistura de efeitos especiais, efeitos práticos e robótica. Os movimentos foram feitos por um ator e depois alterados através de efeitos visuais. 

A trilha sonora da série é um dos maiores responsáveis pela imersão dos espectadores na trama. Foram tocadas músicas de grandes bandas da década de 80 como New Order, Joy Division, The Clash, Echo and the Bunnymen, entre outras. 

A Netflix sempre foi muito sigilosa com seus resultados de audiência, mas vez ou outra revela alguns dados. Sobre Stranger Things, pudemos ver no terceiro ano de produção como os fãs são realmente apaixonados, a terceira temporada foi vista por 40,7 milhões de espectadores apenas nos quatro dias seguidos ao lançamento.

Entre conflitos da Guerra Fria, espionagem, experiências e criaturas sobrenaturais, as três temporadas também conseguem desenvolver muito bem seus personagens. Ao que tudo indica, a quarta temporada continuará trabalhando os laços de amizade e carinho, fortalecendo ainda mais os relacionamentos. Mas agora eles precisarão enfrentar uma nova ameaça, ainda mais terrível. Será que finalmente vão conseguir acabar com os horrores do Mundo Invertido?

Destaques

Gabriel “FalleN”: ícone do Esport confirmado no UCCONX

Saiba mais

Já separou as ideias de cosplay? Com o Cospital nada vai sair do lugar

Saiba mais

Universo Asian: espaço dedicado aos apaixonados pela cultura pop asiática

Saiba mais

Universo Urban UCCONX: um espaço dedicado à cultura de rua

Saiba mais

O universo gamer no festival UCCONX!

Saiba mais

Gabriel “FalleN”: ícone do Esport confirmado no UCCONX

Saiba mais

Já separou as ideias de cosplay? Com o Cospital nada vai sair do lugar

Saiba mais

Universo Asian: espaço dedicado aos apaixonados pela cultura pop asiática

Saiba mais

Universo Urban UCCONX: um espaço dedicado à cultura de rua

Saiba mais

O universo gamer no festival UCCONX!

Saiba mais

Faltam

00
Dias
00
Horas
00
Minutos
00
Segundos